Trigo de Sousa Foto

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
Maria Inês Rosa Barros Trigo de Sousa

Data de nascimento:
8/16/1974

Naturalidade:
Lisboa

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

40 anos, natural de Lisboa, residente na Holanda desde 1997. Licenciei-me em Relações Internacionais (ISCSP 1996) e prossegui os meus estudos na Universidade de Amesterdão onde me doutorei em 2009 em Ciências Sociais. Sou professora universitária em Haia (Haagse Hogeschool/The Hague University of Applied Sciences) desde 2007. Cheguei à Holanda como estudante e ao longo dos anos tornei-me emigrante. Não foi um percurso planeado nem fácil mas posso dar-me ao luxo de dizer que hoje tenho uma vida digna e independente, minimamente integrada numa sociedade algo diferente daquela donde provenho. No entanto, mantenho laços fortes com Portugal, onde vou várias vezes por ano. Como muitos emigrantes, alimento a esperança de um dia poder voltar, trabalhar e participar numa sociedade livre e justa.

Apresentação da candidatura
Nasci 4 meses depois do 25 de Abril e cresci com valores que ecoavam as conquistas da revolução. Nunca me filiei em partidos e alimentei ao longo dos anos uma crescente desconfiança em relação ao panorama político, português e não só. Por familiares e amigos sinto os efeitos da crise que tem assolado Portugal. Louvei o aparecimento do Livre, reconheço-me nos seus valores e candidato-me porque acredito que é possível – e necessário – mudar a política e as políticas em Portugal, além de ser também um dever cívico e moral.

Áreas de intervenção preferenciais
Ensino: superior, vocacional e politécnico. Tenho experiência de vários anos na área de ensino superior e politécnico (na Holanda) e tenho assistido a mudanças que reflectem tendências mundiais com as quais discordo. Como exemplo refiro a modelos de gestão de recursos humanos e de curricula, com vista a maximizar lucros e poupar nos custos. Acredito que as universidades e estabelecimentos de ensino superior devem prestar um serviço público, não-corporativo e servir propósitos democráticos e de justiça social. Embora emigrante, candidato-me porque tenciono voltar e contribuir para um ensino gratuito que ajude indivíduos a adquirir conhecimento, desenvolver capacidades e formar valores.

Como pensa interagir com os eleitores?
Contacto pessoal, redes sociais e outras plataformas criadas para o efeito.

Círculos pelos quais concorre:
Círculo de Aveiro
Círculo de Leiria
Círculo de Braga.

No Facebook:
No Twitter:
Site pessoal ou blog:

Proponentes de Inês Trigo de Sousa