PastedGraphic-4

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
Ana Paula Moreira dos Santos

Data de nascimento:
12/28/1976

Naturalidade:
S. Sebastião da Pedreira

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

Sou a Solange F.. Apresentei diariamente o “Curto-Circuito” da Sic Radical durante 5 anos e o programa “Elas Sobre Eles” na Sic Mulher. Durante o meu percurso televisivo tive oportunidade de moderar debates sobre uma série de temas do quotidiano que na altura inquietavam os jovens: bullying, minorias, desigualdades e relações afectivas. Nesse clima de revolta e (im)possibilidades dei a cara pela luta contra a homofobia. Em 2008 recebi o prémio Arco Iris, pela Associação ILGA Portugal, em reconhecimento do contributo para uma democracia mais aberta, inclusiva e verdadeira, baseada na valorização da diversidade e na igualdade de direitos. Recebi também o Prémios Media 2008 pela Rede Ex Aequo que homenageia figuras da comunicação social, artes e espectáculo que, através do seu trabalho, tentam a erradicação do preconceito e discriminação dos jovens LGBT. Tenho o Mestrado em Psicologia Clínica e fiz um ano de estágio na APAV, onde vivi de perto a realidade do abuso e da violência sobre as vítimas de crime. Fiz debates em Escolas Básicas e Secundárias com o objectivo de promover uma educação para a cidadania e para os direitos humanos, em específico na área da orientação sexual e da identidade de género. Actualmente trabalho com alunos do pré-escolar ao 1º ciclo, como Animadora e professora de AEC, na vertente de expressão dramática, artes plásticas e audiovisuais. Isto porque frequentei a Escola Superior de Teatro e Cinema, tendo trabalhado como actriz, no Teatro da Cornucópia.

Apresentação da candidatura
Apresento a minha candidatura ao partido LIVRE/TEMPO DE AVANÇAR porque quero um futuro com dignidade. Desde muito nova que reclamo. Indigno-me. Não aceito injustiças. Lembro-me de na escola secundária terem gozado com uma miúda de S. Tomé e Príncipe por causa do sotaque. Não achei piada. Quis ficar no grupo dela para o trabalho de geografia. Revoltei-me aos 17 anos, quando numas férias de verão quis ir ganhar dinheiro a trabalhar na apanha da fruta e descobri que os rapazes recebiam mais ao dia do que as raparigas. Lutei para ver o meu ordenado “limpo” quando consegui trabalho a recibos verdes. Não me calo na defesa dos meus direitos. E agora, que vejo o meu futuro a fugir-me por entre os dedos, mais do que nunca, tenho a certeza que está na hora de fazer este país avançar. Este país nunca teve tantos jovens com formação superior como actualmente e está a desperdiçar a oportunidade de com eles evoluir e crescer. Todos os dias vemos licenciados a deixarem as suas famílias para poderem construir um futuro que não se consegue cá. Há cada vez mais qualificados a deixar Portugal. E lá fora fazem-se cirurgiões, investigadores, engenheiros informáticos. Como é que travamos esta fuga absurda? Nós fazemos falta aqui. O país precisa de nós e nós temos de encontrar o nosso lugar. É urgente criar políticas de aproveitamento do nosso capital intelectual. O que dizer então de todos aqueles que já passaram os 30, constituíram família, mas continuam em trabalhos precários e fora das suas áreas de especialização? É urgente perguntar: “É esta a vida que quero para mim? É esta a vida que quero para os meus filhos?”. É que perto dos “entas” é tarde para recomeçar e ainda é muito cedo para desistir. Por isto, para que o nosso esforço não tenha sido em vão, pelas desigualdades, por um sistema de segurança social que nos proteja, por um serviço de saúde digno, por uma educação inclusiva e para a cidadania, apresento a minha candidatura. Porque acredito que ainda vamos a tempo de avançar.

Áreas de intervenção preferenciais
Direitos, liberdades e garantias / Educação, Ciência e Cultura / Ética, Cidadania e Comunicação / Assuntos LGBT e minorias

Como pensa interagir com os eleitores?
Através de conferências, debates, tertúlias, congressos, sessões presenciais, entrevistas através dos media, redes sociais e outros canais de comunicação.

Círculos pelos quais concorre:
Círculo de Lisboa
Círculo de Faro

No Facebook: https://www.facebook.com/f.solange
No Twitter:
Site pessoal ou blog:

Proponentes de Solange F.