Manuela_Barreto Nunes

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
Maria Manuela Barreto Nunes Lopes Esteves

Data de nascimento:
12/29/1962

Naturalidade:
Porto

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

Tenho 52 anos. As minhas origens remontam a Monção, mas cresci e vivi quase toda a minha vida em Braga, cidade que hoje reparto com a aldeia de Tibaldinho, na Beira Alta. Estudei História e depois Ciências Documentais na Faculdade de Letras do Porto, e doutorei-me em Documentação pela Universidade de Granada. Sou professora na Universidade Portucalense (Porto), onde também dirijo a Biblioteca, e investigadora do CIDEHUS – Univ. de Évora. Militei no Bloco de Esquerda desde a origem e até há cerca de um ano, tendo acreditado num movimento que prezava a cidadania, o diálogo e a renovação da Esquerda. Desde muito nova que participo activamente na vida associativa local (ASPA, Defesa do Património, em Braga), profissional (BAD) e política (Fórum Manifesto) e não concebo a minha vida sem a intervenção cidadã e o trabalho com as pessoas.

Apresentação da candidatura
Vivemos num tempo duro, em que muitas das conquistas civilizacionais que o nosso País alcançou nas últimas décadas, em resultado do 25 de Abril, são postas em causa. O desemprego e a precariedade afectam jovens e adultos, crianças e velhos voltaram a enfrentar situações de pobreza extrema, os sistemas públicos de saúde e educação são desmantelados, a cultura desapareceu, mais do que nunca o interior do país desertifica-se e é deixado ao abandono, e assistimos à privatização de serviços essenciais para o desenvolvimento do país e para assegurar uma vida digna aos seus cidadãos. Regressa a mentalidade da culpabilização e da pobreza que são apanágio de sistemas autoritários. Candidato-me porque quero participar num movimento colectivo de combate a esta situação. O tempo é de urgência, de solidariedade, e de acção. Quero juntar as minhas às forças dos que não se resignam, e procurar soluções que nos ajudem a libertar-nos do programa neo-liberal que tomou de assalto Portugal e a Europa, insistindo sempre que o impossível é possível, e que a política pode ser feita com os cidadãos para vencer a crise. Por isso, e para isso, estou aqui.

Áreas de intervenção preferenciais
Educação, Ciência e Ensino Superior, Cultura, Desenvolvimento Local.

Como pensa interagir com os eleitores?
Penso que ver, ouvir e dialogar são actividade essenciais para que as nossas decisões e os nossos votos sejam, não só compreendidas pelos cidadãos, mas também um resultado dos seus anseios, das suas necessidades, problemas concretos e esperanças. Por isso será importante organizar audições e debates, acções de proximidade com os cidadãos. Paralelamente, o uso das redes sociais e outras plaraformas virtuais permitirá aprofundar e ampliar os contactos de proximidade física, e terei por isso também uma preocupação especial em desenvolver esses canais de comunicação.

Círculos pelos quais concorre:
Círculo de Braga.

No Facebook: https://www.facebook.com/manuelabnunes
No Twitter: https://twitter.com/manuelabnunes
Site pessoal ou blog:

Proponentes de: Manuela Barreto Nunes