SaraNeves

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:

Nome completo:
Sara Pais da Costa Neves

Data de nascimento:
1/6/1994

Naturalidade:
Vila Deanteira – Viseu

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

Nasci numa aldeia do distrito de Viseu mas estudo Medicina Dentária na FMDUL, em Lisboa. Não tenho historial de associativismo político, fui dirigente académica e sou considerada “demasiado preocupada” com questões políticas e filosóficas para uma futura médica. Faço teatro de rua nos tempos livres e passo o restante tempo na Cinemateca Portuguesa.

Apresentação da candidatura
A minha geração está cansada, habituou-se a ouvir dizer que é preciso fazer sacrifícios e já não o contesta. Há dias em que acordo sem esperança perante um país adormecido, conformado a aceitar tudo o que vem de cima sem questionar sequer quem decidiu essa hierarquia. Tudo se toma como pré-estabelecido e incontestável. Nada vale a pena e, mesmo que o valha, é maçador e difícil chegar a uma alternativa. Nesses dias, pergunto-me onde está o Portugal dos portugueses que arriscaram a vida mar adentro em busca de novas terras, onde está o Portugal dos portugueses que se recusaram a viver sem independência, o Portugal da liberdade que Abril nos deixou. Será falta de coragem e determinação? Será falta de memória? Parece-me falta de consciência cívica e percepção do nosso papel na sociedade. Candidato-me contra isso. É urgente que os jovens compreendam que o seu crescente alheamento político está a arruinar o seu futuro e o futuro do país. Recuso-me a aceitar que me mandem emigrar em busca de condições de emprego dignas. Recuso-me a ver amigos a desistir dos seus estudos porque a bolsa não chegou. A resposta é sempre a mesma – não há dinheiro. E eu pergunto-me: como é possível um país chegar ao ponto de não canalizar os fundos monetários para uma área que é prioridade?! Por que não está a economia a crescer de forma sustentável? Por que se aplicam medidas a números e se esquecem que por detrás desses números estão pessoas? Recuso-me igualmente a ver o Interior esquecido, em fenómeno de apoptose, quando tanto se fala na sobrelotação do litoral e das grandes cidades. É necessário valorizá-lo, ao seu património (natural e histórico), incentivar a sua repovoação e exploração sustentável, como se faz em tantos outros países civilizados.

Áreas de intervenção preferenciais
Educação, Ciência e Saúde, Ecologia, Defesa do Interior, da Cultura e das Artes.

Como pensa interagir com os eleitores?
Através das redes sociais, inevitavelmente. Mas prezo o contacto pessoal e acho que a melhor forma de compreender as pessoas é ouvindo directamente o que têm a dizer, portanto os debates ou reuniões sobre temas específicos serão também fulcrais.

Círculos pelos quais concorre:
Cìrculo de Lisboa
Cìrculo de Viseu

No Facebook: https://www.facebook.com/sara.neves.3152
No Twitter:
Site pessoal ou blog:

Proponentes de Sara Neves