foto Ana Xavier

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
Ana Maria Xavier Cavaco Gonçalves

Data de nascimento:
5/15/1963

Naturalidade:
Lisboa

Nacionalidade:
portuguesa

Apresentação pessoal

Sou de Almada mas vim para o Algarve há 25 anos. Vim porque queria sair da “grande cidade”, escolhi o Algarve porque a minha família é daqui. Desde então vivi na raia (concelhos de Castro Marim e de Vila Real de S. António) e, desde 2008, em Faro. Sou licenciada em Antropologia e trabalho para o Estado, na área do ambiente e território. Sempre procurei fazer coisas úteis com a minha vida que melhorassem a vida dos outros. Mas dou-me conta agora, ao escrever estas linhas, que afinal não fiz assim tantas coisas em prol do bem comum. Neste capítulo, refiro apenas a Associação local de defesa do Ambiente, que ajudei a criar nos anos 90 e à qual estive ligada vários anos. Detesto as injustiças, e faço o que está ao meu alcance para as corrigir. Na minha luta “por um mundo melhor”, sempre arbitrária e casuística, porque são as minhas escolhas pessoais, tenho dado prioridade aos direitos humanos, aos direitos dos animais, ao ambiente e às questões laborais. Geralmente tenho contribuído na 2ª linha: sou sindicalizada, sou membro da Amnistia Internacional, apoio algumas associações de defesa dos animais. Continuar a fazer só isto, agora, parece-me pouco, por isso resolvi avançar com esta candidatura!

Apresentação da candidatura
Candidato-me porque estou empenhada na implementação do programa do Livre/TdA, com o qual me identifico. Dou particular importância a questões como: -Dignificação do Trabalho – aumentando o salário mínimo para um valor com o qual seja possível viver; repondo os direitos laborais retirados nos últimos 4 anos, acabando de vez com os cortes nos salários e pensões. – Redistribuição da Riqueza – alterando o sistema fiscal para que haja um justo equilíbrio entre os rendimentos do trabalho e do capital. – Renegociação da Dívida – pois os juros são usurários e impedem a recuperação da economia. Precisamos de uma economia “saudável” para podermos criar empregos e ter Saúde, Cultura e Educação acessível a todos e de qualidade correcta. – Defesa do Ambiente e do Ordenamento do Território – não permitindo que os interesses de alguns se sobreponham às leis de conservação da natureza e ordenamento do território, prejudicando o ambiente e a qualidade de vida de todos. – Relançar o projecto da Regionalização – não para criar “tachos” mas para garantir que as decisões de interesse regional são tomadas na Região e pelas pessoas da Região. – Fomentar a participação dos cidadãos na vida pública, mudando as regras actuais e, sobretudo, intervindo nas escolas, para que as futuras gerações sejam mais conscientes dos seus direitos e deveres públicos.

Áreas de intervenção preferenciais
Ordenamentodo Território e Cultura

Como pensa interagir com os eleitores?
falando com as pessoas, de preferência em contacto directo.

Círculos pelos quais concorre:
Círculo de Faro

No Facebook:
No Twitter:
Site pessoal ou blog:

Proponentes de Ana Xavier