OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
Diana Raquel de Carvalho e Barbosa

Data de nascimento:
3/2/1977

Naturalidade:
Porto

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

Sou nascida no Porto e esta é a cidade e a região que trago no meu coração. Sou bióloga de formação, estudei no Porto mas vivi vários anos aqui “ao lado”, em Valência e Barcelona, onde trabalhei como investigadora. Refiro este facto porque foi em Espanha que nasceu a minha vontade de intervir mais na sociedade, face aos problemas com que me deparei naquele país onde vivi seis anos. Em 2010, voltei a Portugal. Comecei a minha intervenção política activa com o surgimento do LIVRE, onde integro o Grupo de Contacto (direcção política). Até esse momento, apesar da ânsia de fazer algo para mudar o país, não me identificava com nenhum dos partidos existentes. O surgimento do LIVRE e das novas práticas que trouxe à política e democracia portuguesas fizeram-me dar este passo determinante. Como muitos outros companheiros de profissão, sou bolseira. Não sou considerada uma trabalhadora neste país. Mas também não sou estudante, nem desempregada. Estou num limbo. Trabalho hoje na área da educação, recursos digitais e comunicação de ciência. No âmbito da minha actividade associativa voluntária, sou co-fundadora de um movimento cívico de promoção da ciência na sociedade chamado COMCEPT, algo que considero um dever, tendo em conta a minha formação e área de trabalho. Sou republicana, ateia, humanista e feminista. Desejo uma sociedade mais livre, democrática, solidária, progressista e humanista, onde todos tenham direito a uma existência digna, a uma vida plena de realização.

Apresentação da candidatura
Quero uma democracia viva e de boa saúde! Por isso me incomodam as injustiças, a discriminação, a falta de igualdade, de solidariedade e a ausência de participação cidadã activa. Tal como disse na minha apresentação, a participação no LIVRE constituiu a minha primeira intervenção activa na política. Não posso, portanto, dar credenciais de passado político fora deste âmbito. No entanto, trago na bagagem uma experiência de vida fora de Portugal, uma experiência profissional de constante precariedade, de desenvolvimento de competências abrangentes, de contraste de realidades e culturas; trago sobretudo muita vontade de trabalhar por todos, nós todos! As democracias são frágeis e há feridas do passado ainda abertas. Na sombra (mas, cada vez mais, à luz) muitos querem ver a democracia minada e isso pode ter um resultado catastrófico, tal como temos vindo a assistir nos últimos anos, com constantes atropelos à Constituição Portuguesa. A minha base de conhecimento é a científica e, também por isso, creio que uma sociedade com mais conhecimento é uma sociedade mais democrática, com mais poder nas mãos dos cidadãos, mais livre. Luto por uma sociedade mais igualitária, racional, solidária e sustentável. Por isso gostaria de, no Parlamento e em nome do LIVRE/Tempo de Avançar, estar na vanguarda da defesa da ciência na sociedade, na defesa de políticas de sustentabilidade, de estabilidade laboral, na defesa dos direitos dos mais desfavorecidos, das mulheres, dos cidadãos LGBTI, de um Estado laico. Em suma, na defesa de um Estado de Direito justo, igualitário, humanista e racional, em que as pessoas possam viver dignamente com os frutos do seu trabalho. Quero um país com um Estado Social forte, não assistencialista, mas de todos e para todos! Não esquecerei, nem poderia, o lugar de onde venho e de onde falo: o Norte. Não com um sentido “bairrista”, mas com um sentido de responsabilidade na defesa das características e problemas próprios da região no contexto nacional e europeu.

Áreas de intervenção preferenciais
Direitos, Liberdades e Garantias Políticas de Igualdade Ciência Ambiente Educação Saúde

Como pensa interagir com os eleitores?
Recorrerei ao poder das novas tecnologias de comunicação para uma maior proximidade aos eleitores, nomeadamente através de um blogue/website, correio electrónico e da presença nas redes sociais. Mas não menosprezo a necessidade de um contacto pessoal, que só poderá ser feito localmente, pelo que promoverei sessões de esclarecimento/debate de ideias em diversos locais do distrito do Porto.

Círculos pelos quais concorre:
Círculo do Porto

No Facebook:https://www.facebook.com/dianabarbosa.LIVRE
No Twitter: https://twitter.com/diraquel
Site pessoal ou blog: https://dianabarbosalivre.wordpress.com/

Proponentes de Diana Barbosa