Mariana Laranjeira

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
Mariana Cristina Ferreira Laranjeira

Data de nascimento:
9/6/1976

Naturalidade:
Porto

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

Natural do Porto, tenho 38 anos e resido em Vila Nova de Gaia. Desde cedo que defendo os direitos dos mais desfavorecidos, das minorias sem voz. Mãe solteira, da Rita de 4 e o Pedro de 6, nunca pensei que um dia seria uma dessas pessoas há 5 anos atrás. Estava grávida da minha filha quando a empresa onde trabalhava abriu insolvência. Perdi tudo; A capacidade de pagar as dívidas, a casa, o carro, a capacidade de criar 2 crianças. Por pouco não perdi a sanidade. Foi quando cheguei ao meu limite, foi quando me senti impotente perante os meus filhos. Foi quando percebi que tinha de lutar, por mim, por eles, pelas outras famílias para que não passassem pelo mesmo. E assim fiz. Comecei a lutar! Sem qualquer experiência politica, ingressei numa lista nas autárquicas em 2013. Achava que teria a oportunidade de mudar as coisas. Depressa percebi que não tinha voz, que as minhas ideias não eram ouvidas. De novo me senti impotente. Depois, ouvi falar num partido com uma forma inovadora de inclusão que dava voz à cidadania e atualmente sou um dos membros representantes do Círculo Eleitoral pelo Livre/Tda Porto. A nível profissional, consegui reconstruir a minha vida há um 1 ano atrás. Exerço a profissão de assistente comercial internacional numa empresa de iluminação Led. A nível associativo, sou fundadora do projeto Casa das Trokas, uma associação sem fins lucrativos baseada no conceito de partilha e poupança, cujos princípios são a equidade, igualdade e preservação ambiental.

Apresentação da candidatura
Estamos a atravessar uma crise de natureza social, económica e cultural que avassala a Nação. Vivemos tempos difíceis, assiste-se ao endividamento das famílias, à multiplicação de pedidos de ajuda às instituições, à precariedade e falta de emprego, à diminuição de apoios e ao aumento da fome. É a pobreza que se instala e assume a forma de exclusão social, a negação do desenvolvimento humano que afeta profundamente a dignidade dos indivíduos e a estabilidade familiar. Portugal vive hoje a angústia de uma crise financeira. Uma crise cujos reflexos afetam transversalmente toda a sociedade. Precisamos melhorar a qualidade de vida da população. Precisamos de lutar contra o isolamento e a exclusão social. Precisamos de garantir uma ocupação que beneficie as pessoas a nível psicológico para aumentar a sua auto-estima e sentirem-se úteis. Precisamos de valorizar as potencialidades e competências dos cidadãos Precisamos de sensibilizar a população uma nova consciência social e um estilo de vida sustentável entre pessoas de diferentes idades. Precisamos de caminhar em direção ao desenvolvimento sustentável e implementar medidas como sistemas sociais mais equilibrados para as gerações presentes mas principalmente para que as próximas gerações tenham um Futuro. Precisamos de combater os interesses instalados nos partidos do poder. Precisamos de fazer nova política sob a voz e ao serviço dos cidadãos. Precisamos de mobilizar os portugueses para que voltem a acreditar na política, nos seus governantes, no seu País. Precisamos de exigir um Estado melhor, para que as crianças não passem fome, para que os jovens não tenham de emigrar. Precisamos lutar pela transparência, pela justiça social e pela justa redistribuição do rendimento. Precisamos de lutar por um país sustentável para os nossos filhos, para os nossos netos. Precisamos de lutar por um Portugal melhor!

Áreas de intervenção preferenciais
1. Economia Social 2. Autonomia Local 3. Desenvolvimento Local Sustentável 4. Combate às Desigualdades Sociais

Como pensa interagir com os eleitores?
– Contato Presencial – Ir ao encontro dos cidadãos para conhecer de perto os problemas que assolam as freguesias e as pessoas – Contato Online – Página pública nas redes sociais e e-mail público para comunicação – Contato/Reuniões com Instituições/Associações locais – Contato/Reuniões com Entidades Parceiras/Autarquias – Debates/Colóquios abertos à comunidade – Relatórios por temas de trabalho com problemas, propostas apresentadas, soluções e melhorias das problemáticas locais

Círculos pelos quais concorre:
Círculo do Porto
Círculo de Aveiro

No Facebook: http://www.facebook.com/cristinamariana
No Twitter:
Site pessoal ou blog:

Proponentes de: Mariana Laranjeira