José Luís Malaquias

Partilhe esta candidatura nas redes sociais

Nome completo:
José Luís Malaquias Ferreira Lima

Data de nascimento:
9/5/1969

Naturalidade:
Viseu, Portugal

Nacionalidade:
Portuguesa

Apresentação pessoal

Sou engenheiro de profissão e de vocação, mas acredito que as pessoas estão sempre primeiro. Acredito que é possível desenvolver o país e as empresas, sem colocar em causa as condições de vida das pessoas e sem apontar ao mínimo denominador comum no que toca a condições de trabalho. Como tal, ajudo empresas a dar um passo em frente, na criação de nichos de mercado baseados no conhecimento e não na mão-de-obra barata. Para isso, ajudo-as a tirar partido do que a integração europeia tem de bom e a integrar empresas portuguesas nos ecossistemas europeus de investigação e desenvolvimento. Antes disso, fui assistente de física na Universidade de Coimbra, onde desenvolvi a outra das minhas paixões que é o ensino e a investigação. Fiz parte do Senado da Universidade de Coimbra em dois mandatos e integrei a Coordenadora do Conselho Científico da Faculdade de Ciências e Tecnologia.

Apresentação da candidatura
Apresento-me a esta eleição para tentar, sobretudo, reanimar o debate político em Portugal, que acredito que adormeceu nos últimos vinte anos, com consequências muito nefastas para o país. O país tem sido gerido por interesses muito promíscuos entre o poder político e o poder económico, o que só tem sido possível pela ausência de atenção do eleitorado e pela falta de debate político sério. A integração europeia, que antes era a nossa garantia de democracia e estabilidade, serve hoje para encobrir muitas decisões não democráticas que os governos não têm coragem de assumir e que usam a União Europeia como manto de cobertura para levar a cabo. Penso, pois, que é necessário reavaliar os mecanismos de poder da Europa, devolvendo a palavra aos eleitorados europeus, impedindo que as decisões realmente relevantes sejam tomados por directórios opacos, não sujeitos ao escrutínio democrático, para depois serem impostos como factos consumados e inevitabilidades aos eleitorados nacionais.

Áreas de intervenção preferenciais
As minhas áreas de intervenção preferenciais são a economia, a Europa, a política de desenvolvimento e a ciência e tecnologia.

Como pensa interagir com os eleitores?
Os mecanismos actualmente disponíveis para se interagir com os nossos representantes são mal conhecidos do eleitorado. Penso que é necessário publicitar esses mecanismos e alargá-los tirando partido das plataformas digitais, que favorecem um contacto imediato entre representantes e eleitos.Porém, esses mecanismos não são suficientes, pois não estão ao alcance de algumas das faixas mais frágeis da população, nomeadamente os eleitores mais idosos e os de origens socio-económicas mais baixas. Para esses, é fundamental desenvolver acções de audição das populações, que sejam descentralizadas e que vão ao encontro das faixas mais frágeis, com maior dificuldade em ser ouvidas.

Círculos pelos quais concorre:
Círculo de Coimbra
Círculo de Aveiro
Círculo de Leiria

No Facebook:
No Twitter: https://twitter.com/jlmalaquias
Site pessoal ou blog: http://pequenosmundos.blogspot.pt/

Proponentes de José Lui­s Malaquias