Susana Pedro Mil-Homens

Área programática: Saúde
USF/Centro de Saúde
– Aumentar os poderes dos centros de saúde e recursos (possibilidade de realizar análises, raios-x, ecografias, entre outros), com unidades de atendimento tipo Hospital de dia, que possam atender casos que requeiram mais cuidados, que não necessitem no entanto de internamento, com administração de medicação IV (Estilo sueco/norueguês – incentivar cuidados na comunidade)

Área programática: Educação
Aulas de apoio/Acompanhamento Psicológico
– Cada escola deverá ter incorporado mais do que um psicólogo e terapeuta da fala, sendo que as crianças só poderão ser excluídas destes planos de intervenção se o diagnóstico for de resolução do problema, e não por questões orçamentais. Por questões de orçamento estagiárias das respectivas áreas podem ser integradas nas escolas, e como 1º emprego a entrada imediata para as escolas.

Área programática: Saúde
Não existir atendimento nos C.S.
– Redução dos tempos de consulta para 10 minutos por doente, em que o doente consegue sempre consulta no próprio dia, telefonando a marcar a consulta no próprio dia. (ex. do SNS Inglês).

– E ainda… – Redução da carga horária dos alunos, para das 09.00-15.00, com desenvolvimento de várias áreas nas escolas, se os alunos/enc. de educação assim o desejarem (artes plásticas, tecnologia, música etc). -Sessões de educação para pais, auxiliares de acção edcutiva e professores, em como a violência como forma de educação é totalmente inaceitável, integradas no ano lectivo, direccionadas a adultos : objectivo de acabar com violência nas escolas, indo à raiz do problema, os domicilios dos alunos. Possuo maior conhecimento do Sistema de Saúde Inglês pois trabalhei em Inglaterra enquanto enfermeira, e neste momento lecciono Inglês em Portugal, em escolas com crianças carenciadas (pais desempregados, passam fome, etc).

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *